O que as mãos ocupadas por embrulhos esquecem

O que as mãos ocupadas por embrulhos esquecem

Por Carmo Rodeia Entrámos no Advento, numa espécie de contrarrelógio (quatro domingos mas pouco mais de três semana) e assim iniciámos um caminho de preparação da festa que é o nascimento de Jesus. Como todas as festas esta tem de ser bem preparada, mas não será...
A chegar ou a partir?

A chegar ou a partir?

Pelo Pe. Vitor Medeiros* O tempo de Advento faz-nos olhar o horizonte… levantar e recomeçar! “Eu O vejo, mas não agora; eu O avisto, mas não de perto. Uma estrela surgirá de Jacob; um ceptro se levantará de Israel” (Nm 24,17). “Por isso o SENHOR mesmo lhes dará um...
Rorate Caeli desúper et nubes plúant justum!*

Rorate Caeli desúper et nubes plúant justum!*

Pelo Pe. Agostinho Lima Tempo (s) de espectativa Eis-nos chegados a mais um Advento a que necessariamente se seguirá o Natal! Natal é um tempo sempre muito esperado, nomeadamente pelas crianças, mas, também, na sua magia, a todos nos toca e encanta! Por isso, ninguém...