Poderes melindram-se!

Poderes melindram-se!

Por Renato Moura O Primeiro-ministro não gostou das afirmações do Presidente da República sobre o desconfinamento e este mostrou-se melindrado pelas declarações daquele e contra-atacou. Habituem-se: é Marcelo em segundo mandato. O presidente da Câmara Municipal de...
Poderes melindram-se!

O reconhecimento da diferença

Por Renato Moura O Governo dos Açores, em Março, optara pela vacinação completa dos corvinos contra a Covid19, uma medida pioneira para assegurar a imunidade de grupo na Ilha do Corvo. Decorre o reforço do processo de vacinação nas outras cinco ilhas sem hospital....
Poderes melindram-se!

Incoerências fatais

Por Renato Moura Há cidadãos ouvidos nas comissões de inquérito a gozar com os deputados e a descredibilizar o Parlamento. A sociedade parece mobilizada para debelar a violência doméstica e há decisões judiciais dando sinais de a acalentar. Quanto a candidaturas de...
Poderes melindram-se!

Autonomia celebrada com dignidade

Por Renato Moura Celebrou-se na Assembleia Legislativa Regional, na passada 2.ª Feira, o Dia da Região Autónoma dos Açores. A grande novidade deste ano foi o uso da palavra não só pelos Presidentes da Assembleia e do Governo, como também por parte de representantes de...
Poderes melindram-se!

Que se renove a face da terra

Por Renato Moura Escrevi no «Igreja Açores», já lá vão quase quatro anos: “Creio que o espírito das festas do Espírito Santo já não é o que era”. A dádiva do “encanto das lendas, milagres e sinais do Espírito Santo”, fortificador da fé dos adultos e seus antepassados,...
Poderes melindram-se!

A Palavra é muito mais que a homilia

Por Renato Moura Ensinaram-nos que a Santa Missa tem duas partes: inicia-se com a Liturgia da Palavra e continua com a Liturgia Eucarística. Na primeira parte são proclamadas as leituras bíblicas, constituindo-se como Mesa da Palavra, da qual todos têm o direito de...