Igreja Matriz reúne irmandades e ordens terceiras em volta da festa do padroeiro

No próximo dia 6 de Janeiro, a Matriz da Horta assinala a festa do seu Titular, o Santíssimo Salvador, com uma Eucaristia solene às 18h00, que será animada pelo Grupo Coral litúrgico da Matriz, na qual participarão as ordens terceiras e irmandades da ilha.

No dia em que se assinala a Solenidade da Epifania do Senhor, esta festa ganha uma importância maior e constitui uma das mais emblemáticas festas religiosas da cidade faialense.

A festa esteve interrompida durante quase um século pois este orago remete para a festa da transfiguração do Senhor, que a igreja celebra a 6 de agosto. Dada a proximidade geográfica entre o Faial e o Pico, e ao facto de na ilha montanha se celebrar o Senhor Bom Jesus do Pico neste contexto litúrgico, entendeu-se suspender a festa na Horta para que os fieis pudessem acorrer em maior número ao Santuário diocesano da ilha vizinha. A festa do Santíssimo Salvador só foi retomada em 2005 com o então responsável pela igreja Matriz da Horta, Monsenhor António Manuel Saldanha.

Desde então todos os anos se celebra o padroeiro da Matriz da Horta.

Também na Ribeirinha, na ouvidoria da Ribeira Grande, a paróquia celebra o seu orago principal.