Jovens e igreja de mãos dadas no Multi-festival Zarpar em julho

Os jovens da ouvidoria da Lagoa, na ilha de São Miguel promovem no próximo mês de julho, entre os dias 10 e 12, o multi-festival de verão Zarpar.

Trata-se de uma iniciativa que tem por objetivo “celebrar a alegria da fé e da vida, evangelizando pela arte”, disse ao Sítio Igreja Açores o seu principal impulsionador o Pe Nuno Maiato, pároco de Santa Cruz da Lagoa, onde vai decorrer o Festival.

A iniciativa que decorrerá no Convento dos Frades é promovida pela pastoral juvenil e vocacional da Lagoa que, particularmente este ano, tem procurado desenvolver atividades especificas nas datas mais emblemáticas, conciliando a ocupação dos jovens com a sua formação e aprofundamento espirituais, sempre numa perspetiva de vivência da fé no quotidiano.

“No verão queríamos algo de diferente que se destacasse de tudo o que os jovens estão habituados a fazer e por isso decidimos avançar com este multi-festival”, adiantou ainda o Pe Nuno Maiato, lembrando que também as famílias devem envolver-se nestas atividades pois “as coisas estão pensadas justamente para ser também um momento de convívio inter geracional”.

De entre as atividades previstas, destaque para Concertos de música de cariz e mensagem cristã; Cais de Oração; Feira do Livro;  Feira de Artesanato;  Exposições de pintura, escultura, fotografia, cartoons; Teatro, Cinema e Vídeo; Workshops e conferências e Espaço de convívio, bar.

“Estamos a fazer diligências para encontrar parcerias e como é o Ano da Vida Consagrada convidámos todas as congregações presentes na ilha a ajudar-nos e a serem nossas parceiras”, destacou o Pe Nuno Maiato que está convencido que “embora o festival seja promovido pela ouvidoria da Lagoa tem espaço e está aberto à participação de todos os jovens da ilha”.

As iniciativas decorrerão sempre entre as 18h00 e as 24h00 sendo que, neste momento, já estão confirmadas as presenças da banda rock católica R3M; Claudine Pinheiro;  Vânia Fernandes e Luís Sousa, dois concorrentes da Operação triunfo da RTP, ela muito ligada à juventude Dehoniana.