Iniciativa foi organizado pela disciplina de Educação Moral e Religiosa Católica

A última semana de aulas na Escola Básica Integrada Canto da Maia, em Ponta Delgada, foi marcada por uma Celebração de Natal, protagonizada pelos alunos inscritos na disciplina de Educação Moral e Religiosa Católica, em que foi destacada a necessidade de haver “mais compaixão, compreensão, verdade. Justiça, solidariedade, prosperidade e paz” no mundo.

De acordo com uma nota enviada ao Igreja Açores, “depois de um longo período, a refletir sobre a pessoa de Jesus, Deus que Se fez homem, alunos, professores, técnicos, assistentes operacionais, pais, mães e avós dos alunos que partilham a fé cristã marcaram o aniversário do nascimento de Jesus”.

O texto da nota, de forma catequética, sublinha: “há 2018 anos Ele veio ao mundo trazer amor e paz para todos. Agora, Ele continua a vir, quando Lhe abrimos o coração e quando abrimos as nossas mãos aos que precisam de nós”.

“Se o mundo O acolhesse, hoje, como uma criança acolhe um abraço, haveria mais compaixão, compreensão, verdade, justiça, solidariedade, prosperidade e paz” destaca ainda a nota.

Vários alunos, com a ajuda da família, criaram figuras do presépio, em papel, onde colaram a fotografia do seu próprio rosto. Estas figuras, atrás das quais escreveram cartas ao Menino Jesus, tornaram-se parte do presépio, em forma de Árvore Solidária de Natal, que esteve patente na Biblioteca da Escola.

Além disso houve uma ação concreta de solidariedade, com os alunos a colaborar na oferta de géneros alimentares, colocando-os aos pés da Árvore Solidária.

“Com este gesto, pretendeu-se que os mais novos se habituem, desde cedo, a compreender as necessidades dos outros e a exercer a solidariedade (caridade)” frisa a nota assinada pelo coordenador da disciplina na Escola Canto da Maia, Pe. Ricardo Tavares.

Os géneros alimentares foram entregues à Caritas da Ilha de S. Miguel, sediada em Ponta Delgada, que ficou encarregue de os distribuir.

A celebração terminou com uma confraternização.