Pelo P.e José Júlio Rocha.

O nascimento de Jesus deu-se do seguinte modo: Maria, sua Mãe, noiva de José, antes de terem vivido em comum, encontrara-se grávida por virtude do Espírito Santo. Mas José, seu esposo, que era justo e não queria difamá-la, resolveu repudiá-la em segredo. (Mateus 1, 18-19)
Mateus afirma que José era um homem justo, palavra poderosa no léxico hebraico. Este ano é dedicado a São José, o homem que ensinou Jesus a andar, a falar, a amar.
Celebramos, portanto, a Bondade, a mais esquecida e das mais importantes virtudes humanas e cristãs.
Como fazem falta as pessoas cheias de Bondade!