Pelo P.e José Júlio Rocha.

Jesus, compadecido, estendeu a mão, tocou-lhe e disse: «Quero, fica limpo». No mesmo instante o deixou a lepra e ele ficou limpo. (Marcos 1, 41-42)
Os leprosos eram considerados impuros, e a terrível lepra era vista como um castigo de Deus por causa dos pecados da pessoa. Viviam longe das comunidades, expulsos, amaldiçoados.
Jesus, obviamente, está do lado deles, contra os preconceitos sociais.
Ainda hoje há muitos preconceitos de raça, sexo, ideologia, etc. Sabem de que lado está Jesus? Somos todos filhos do mesmo Pai.