Iniciativa permite formar e desenvolver ações concretas na prevenção de comportamentos de risco

O Governo Regional dos Açores e a Cáritas da ilha terceira acabam de assinar um protocolo que visa apoiar e desenvolver estratégias de promoção da saúde por parte do Centro de desenvolvimento e Inclusão Juvenil, uma iniciativa no âmbito da Estratégia Regional de Combate à Pobreza e Exclusão Social.

“Este protocolo vai permitir a capacitação dos técnicos da instituição nesta área que é de promoção da saúde e por outro lado permitir o desenvolvimento de estratégias e ações concretas de apoio a jovens com problemas comportamentais, nomeadamente no âmbito das dependências de forma a garantir uma maior inclusão”, disse ao Igreja Açores Rui Drumond, coordenador de Centro de Desenvolvimento e Inclusão Juvenil da Cáritas da ilha Terceira.

“Desde 2017 temos tido alguns casos de sucesso entre os nossos jovens, mas gostaríamos que as coisas pudessem ainda melhorar mais e este protocolo dá-nos as ferramentas para isso”, acrescentou.

O Centro de Desenvolvimento e Inclusão da Cáritas acolhe neste momento 17 jovens e tem mais 20 sinalizados.

Para o Secretário Regional da Saúde, citado pelo portal do Governo,  “Trata-se de uma ferramenta crucial, que tem por missão promover uma melhor saúde às gerações mais novas, onde se incluem os menores em condições vulneráveis, sedimentando competências em áreas como a alimentação saudável, a prevenção do consumo de álcool, de tabaco e de substâncias ilícitas, a educação sexual e até a saúde mental”.

Ainda segundo o referido portal , o programa de Saúde Escolar deverá chegar a 10 Centros de Desenvolvimento e Inclusão Juvenil, estimando-se abranger cerca de 500 jovens.

“Com este acordo, hoje assinado, é assegurada a partilha de práticas e de conhecimentos entre equipas técnicas no âmbito da intervenção com jovens em risco e a capacitação dos técnicos do Centro de Desenvolvimento e Inclusão Juvenil da Cáritas da Ilha Terceira para a intervenção social e promoção da saúde”, salientou o Secretário Regional citado pelo referido órgão.