Santa Casa da Misericórdia de Angra garante que toda a equipa pedagógica e demais funcionários serão testados

A Creche/Jardim-de-Infância da Guarita, situada na freguesia de Nossa Senhora da Conceição, em Angra do Heroísmo, encerrou esta terça feira, depois de um elemento do corpo de auxiliares de limpeza ter testado positivo à covid-19.

A creche e Jardim de Infância, propriedade da Santa Casa da Misericórdia de Angra integra assim a lista dos estabelecimentos de ensino e creches da região que tiveram de encerrar portas devido à existência de pelo menos um caso positivo entre a comunidade.

Agora as cerca de duas dezenas de funcionários da instituição irão ser testados e as crianças ficarão em casa, em isolamento.

A direção pedagógica, em articulação com a Associação de Pais, foram céleres na forma como agiram e, depois de terem sabido que um dos funcionários se encontrava doente, imediatamente accionaram os contactos com os encarregados de educação para que as crianças ficassem em causa.

“Tudo tem sido articulado com a autoridade de saúde e numa boa colaboração entre a equipa pedagógica e os pais e encarregados de educação” referiu ao Sítio Igreja Açores o Provedor da Santa Casa, Bento Barcelos.

“É uma situação complicada” mas “temos de cumprir” refere o responsável referindo-se sobretudo à falta de instrumentos legais que protejam os pais que agora têm de ficar a tomar conta das crianças.

“A cadeia de transmissão deste elemento que  testou positivo está identificada. Nada tem a ver com o colégio, que desde a primeira hora, cumpriu com todas as regas de segurança e higiene”, esclarece ainda.

Esta creche e jardim de infância foi inaugurada a 29 de junho de 1992.

Os Açores têm esta semana 21 estabelecimentos de ensino públicos e privados fechados na ilha de São Miguel na sequência de deteção de casos de infeção por covid-19.

O Governo Regional anunciou na sexta-feira que todos os estabelecimentos de ensino e ateliês de tempos livres da ilha de São Miguel em que tenham sido detetados casos de infeção pelo novo coronavírus vão encerrar, uma medida para vigorar no período entre as 00:00 de hoje e as 24:00 do dia 1 de dezembro.

O encerramento dos estabelecimentos dos três ciclos de ensino básico, bem como do secundário, sejam públicos ou privados, onde estejam identificados casos positivos é justificado com a evolução do contexto epidemiológico na ilha de São Miguel, onde estão identificadas três cadeias de transmissão local ativas e outras duas partilhadas com a ilha de São Jorge.

Assim, e tendo em conta a lista que tem vindo a ser divulgada pela Secretaria Regional da Educação, estão atualmente encerradas, em Rabo de Peixe, a EB1/JI Luísa Constantino e a escola-sede da EBI de Rabo de Peixe – Rui Galvão de Carvalho, no concelho da Ribeira Grande.

Ainda neste município estão encerrada a Escola Básica Integrada da Ribeira Grande, a EB1/JI da Ribeirinha e a Secundária, enquanto no concelho de Ponta Delgada fecharam a escola-sede dos Arrifes e as EB1/JI da Covoada e da Relva.

 

Estão também encerradas a Escola Básica e Secundária Armando Cortês-Rodrigues, em Vila Franca do Campo, e a escola-sede da EBI de Água de Pau.

Em Ponta Delgada fecharam também a escola sede da Básica e Integrada Canto da Maia e as Secundárias Domingos Rebelo e Antero de Quental.

Ao nível do ensino particular e cooperativo, o Governo dos Açores determinou ainda o encerramento do Colégio de São Francisco Xavier, da creche Cantinho Encantado, da creche e jardim de infância Arco-Íris, do Externato A Passarada e dos jardins-escola João de Deus e do Castanheiro.

Foi igualmente determinado o encerramento das escolas profissionais da Câmara de Comércio de Ponta Delgada e da Povoação.