Responsáveis pelas dioceses do Porto, Hamilton (Bermuda) e Angra vão estar presentes nas Festas do Senhor Santo Cristo que este ano têm como lema «Um encontro com a Esperança».

O Bispo do Porto, D. António Francisco dos Santos, vai presidir, este ano, às grandiosas festividades em honra do Senhor Santo Cristo dos Milagres, que se realizam, em Ponta Delgada, entre os dias 23 e 29 de maio, nas quais estarão igualmente presentes os bispos de Angra, D. António de Sousa Braga, anfitrião e o Bispo de Hamilton, na Bermuda, D. Robert Joseph Kurtz.

 

Ambos foram convidados pelo prelado diocesano.

 

D. António Francisco dos Santos é natural da Freguesia de Tendais, Concelho de Cinfães, onde nasceu em 1948, tendo sido ordenado sacerdote em dezembro de 1972. Entre os vários cargos ocupados destaque para a reitoria do Seminário Maior de Lamego. Em dezembro de 2004 foi nomeado, pelo Papa João Paulo II, Bispo Auxiliar da Arquidiocese de Braga, tendo sido ordenado bispo, na Sé de Lamego, no ano seguinte. Em setembro de 2006 foi nomeado, pelo Papa Bento XVI, Bispo de Aveiro, tomando posse da Diocese a 8 de dezembro, Dia da Solenidade da Imaculada Conceição. Em Fevereiro de 2014 foi nomeado, pelo Papa Francisco, Bispo do Porto, tomando posse da Diocese a 6 de abril.

 

D. Robert Joseph Kurtz, Bispo da Diocese de Hamilton, na Bermuda, nasceu na cidade de Chicago, no estado norte-americano do Illinois, no ano de 1939. Foi ordenado padre, em março de 1967. Nomeado para a Diocese de Hamilton, em junho de 1995, foi ordenado Bispo, em setembro do mesmo ano, na Catedral de St Theresa, na Bermuda, tendo tomado posse da Diocese a partir daquela data. Desde o ano de 2009, que desempenha o cargo de Vice-Presidente da Conferência Episcopal das Antilhas. D. Robert Joseph Kurtz tem estabelecido laços de muita proximidade com a comunidade açoriana residente na Bermuda, sendo esta a primeira vez que participa nas festas do Senhor Santo Cristo dos Milagres.

 

As maiores festas religiosas dos Açores, que fazem congregar para a cidade de Ponta Delgada, milhares de fieis devotos do Senhor Santo Cristo, decorrem entre os dias 23 e 29 de maio e, este ano, registam algumas alterações ao nível do horário das celebrações religiosas.

 

A primeira novidade prende-se com a realização de uma missa para doentes na Igreja do Santuário, ás 11h00 de sexta feira, dia 23. A eucaristia presidida pelo Bispo de Angra destina-se aos doentes da ilha, com particular destaque para os utentes das Misericórdias de São Miguel, convidadas para esta eucaristia.

 

Também as celebrações de sábado e de domingo vão sofrer ligeiras alterações.

 

No sábado, a procissão da mudança da imagem para a Igreja de São José é antecipada para as 00h30 para que a eucaristia comece à 1h00 e, no domingo, a imagem sairá da Igreja de São José para o adro do Santuário às 9h45 para a celebração da eucaristia às 10h00.

 

O programa das festividades abre no dia 23 de maio, com a inauguração da iluminação decorativa da fachada do Santuário do Senhor Santo Cristo dos Milagres e do Campo de São Francisco, estando a cargo da Filarmónica Aliança dos Prazeres (Pico da Pedra) a execução do Hino do Senhor Santo Cristo, ao que se seguirá o desfile da Charanga dos Bombeiros Voluntários de Ponta Delgada. O concerto dessa sexta-feira será dado pela Filarmónica Aliança dos Prazeres.

 

Ao todo participarão nestas celebrações 23 filarmónicas que acompanharão a procissão no domingo e animarão as noites de festa a partir do coreto do Campo de São Francisco.

 

No sábado, dia 24, a Procissão da Mudança será acompanhada pela Banda Filarmónica Minerva (Ginetes) estando em programa, a atuação da Orquestra de Violas da Terra e um concerto pela Banda Harmonia Mosteirense (Mosteiros).

 

No Domingo do Senhor, o concerto no arraial do Campo de São Francisco será executado pela Filarmónica Nossa Senhora dos Remédios (Bretanha).

 

Na segunda-feira, feriado municipal em Ponta Delgada, o programa apresenta Cantigas ao Desafio pelos cantadores da Associação dos Cantadores dos Açores, a atuação do grupo Bora Lá Tocar e o concerto da Orquestra Ligeira de Ponta Delgada.

 

A 29 de maio, último dia das festas, está confirmado, como habitualmente, o concerto de encerramento a cargo da Banda da Zona Militar dos Açores.

 

Os pontos altos das festividades são a Mudança da Veneranda Imagem, no sábado, dia 24 de maio, a Vigília, a Solene Concelebração Eucarística e a grandiosa Procissão pelas ruas de Ponta Delgada, no domingo, dia 25.

 

Do programa festivo destacam-se, ainda, os tradicionais arraiais, concertos e arrematações.

 

Este ano, a Irmandade e os responsáveis pelo Convento da Esperança vão ter um espaço aberto, à semelhança do que aconteceu aquando do aniversário dos 300 anos das Festas do Senhor Santo Cristo.

 

Trata-se da antiga cozinha do Convento que vai estar a funcionar como um espaço de exposição permanente onde para além de peças que fizeram a história deste culto, terá em permanência os artigos que são colocados na roda bem como licores e compotas caseiras feitas no Convento.