Iniciativa assinalou também a União com os jovens peregrinos da JMJ do Panamá

Com a celebração do I Shalom Diocesano, que se iniciou na passada Sexta-feira, na Vila das Lajes do Pico, e terminou este Domingo, e no qual participam 47 jovens provenientes de diversas Paróquias daquela Ilha, encerram-se as primeiras duas etapas das I Jornadas Diocesanas de Pastoral Juvenil, que se realizaram nas ilhas do Faial e do Pico, nomeadamente nos Cedros e Horta, Lajes do Pico e Madalena, respectivamente, ao longo da passada semana.

Em cada uma destas Ilhas foram realizados dois encontros/assembleias, participados, maioritariamente, por jovens crismandos, mas também por catequistas da quarta fase da Catequese bem como por diversos animadores de Pastoral Juvenil, nomeadamente ligados do Escutismo, informa uma nota enviada ao Igreja Açores.

“Ser + em Igreja: todos em missão” foi o desafio lançado e proposto pelo Serviço Diocesano de Apoio à Pastoral Juvenil a todos os participantes.

Partindo do conceito de “pastoral” como acção concreta da Igreja, incidindo sobre a “Pastoral juvenil”, suas características, agentes e desafios, e através de diversas dinâmicas, os jovens foram convidados a serem “+”em todas as situações e âmbitos das suas vidas.

“Todos os encontros registaram uma grande participação de jovens, sentindo-se o empenho, não apena das Equipas Coordenadores de Pastoral Juvenil de cada uma destas Ilhas, como também dos respectivos Párocos” refere a nota.

Segundo o diretor Diocesano da Pastoral Juvenil, Pe. Norberto Brum, que orientou os diversos encontros destas I Jornadas Diocesanas de Pastoral Juvenil, “estas foram uma oportunidade, não apenas de reflexão e transmissão de uma mensagem aos jovens, uma oportunidade de formação e encontro, mas também uma oportunidade de proximidade e partilha de experiências com os coordenadores da Pastoral Juvenil destas duas ilhas e respectivas equipas”.

“Foi muito bom e proveitoso”, afirma o diretor Diocesano da Pastoral Juvenil, “poder encontrar-nos, enquanto Serviço Diocesano da Juventude, com os coordenadores destas ilhas e suas equipas, trocar ideias e experiências, mas, sobretudo, poder conhecer a realidade no contacto com a mesma”.

Após a realização destas Jornadas nas ilhas do Faial e do Pico, caberá às ilhas das Flores e de São Miguel acolherem os próximos encontros das mesmas em Fevereiro, Março e Abril, respectivamente.