Vigário Episcopal para a vigararia nascente presidiu à missa da vigília da festa do Senhor da Pedra, em Vila Franca do Campo

Ver, aproximar-se e sentir compaixão são três atitudes que devem marcar a resposta dos cristãos a todos os que estão feridos, afirmou esta noite o cónego Adriano Borges na missa da vigília da festa do Senhor Bom Jesus da Pedra, em Vila Franca do Campo.

A partir do evangelho proclamado, que relata a parábola do Bom Samaritano, na altura o proscrito pelos judeus mas também o único que se compadece do homem caído à beira da estrada, o Vigário Episcopal para São Miguel e Santa Maria lembra que tal como o samaritano se aproximou do homem caído na estrada também os cristãos se devem fazer próximos dos irmãos independentemente das suas circunstãncias e condições pessoais.

“Seja quem for que precise de nós, quem for visto deitado na rua ferido pelas amarguras da vida, na alma e no coração, não precisamos de fazer perguntas. Não interessam as cricunstãncias pessoais” refere o sacerdote salientando que “Se queremos ser ao jeito do bom samaritano, que é o próprio Jesus, como ele nos pede,  temos de nos fazer próximos de todos os que sofrem, sem fazer perguntas”, sublinhou.

“Todos os seres humanos têm direito à sua dignidade” generalizou sublinhando que “ver”, “aproximar-se” e “sentir compaixão” são marcas de um amor igual ao de Jesus por cada um de nós.

“A imagem do samaritano é Jesus:  Jesus que pega em nós, que nos leva para a casa do Pai, que trata das nossas feridas e que, no fim, diz-nos : toma conta dele”.

“O que Jesus, o Bom Jesus da Pedra nos diz, neste momento é que está na nossa vez de tratarmos dos irmãos, de os amarmos como Ele nos amou”, concluiu.

O cónego Adriano Borges destacou ainda a importância do olhar na vida de um cristão.

“Muitas vezes olhamos mas não vemos ou fingimos que não vemos, sobretudo quem nos está mais próximo”, referiu.

“Emocionamo-nos muitas vezes com as imagens que aparecem nas televisões mas até que ponto nos compadecemos com o sofrimento dos que nos são próximos” interpelou ainda o Vigário Episcopal para São Miguel e Santa Maria.

A festa do Bom Jesus da Pedra prossegue este domingo, com a missa solene, às 9h30 da manhã, com transmissão em direto no canal 1 da RTP. Será presidida pelo cónego Adriano Borges.

A festa do Bom jesus da Pedra é uma das grandes festas de verão da ilha de São Miguel e costuma juntar inúmeros emigrantes em Vila Franca do Campo.