“Deus rico de misericórdia” é o tema deste momento de oração, adoração e confissão

A Sé de Angra do Heroísmo vai celebrar no próximo dia 15 de março a jornada de oração e confissão “24 horas para o Senhor”, organizada pelo Pontificio Conselho para a Promoção da Nova Evangelização, para os dias 13 e 14 de março.

O  Bispo de Angra, na sua mensagem quaresmal, pediu que os açorianos se associassem “a esta iniciativa de fé, oração, comunhão e misericórdia, aproximando esta novidade aos tradicionais Lausperenes (louvor contínuo) que se vão realizando nas paróquias da Diocese ao longo da Quaresma”.

Na Catedral de Angra do Heroísmo,  a iniciativa cumpre-se no domingo 15 de março, das 9 às 19 horas, com exposição e adoração do Santíssimo, oração pessoal e em grupos, sacramento da Reconciliação, Hora de Vésperas e Eucaristia.

Na sua mensagem de Quaresma o Santo Padre chamou os fiéis a combaterem a globalização da indiferença.

“Também como indivíduos temos a tentação da indiferença. Estamos saturados de notícias e imagens impressionantes que nos relatam o sofrimento humano, sentindo ao mesmo tempo toda a nossa incapacidade de intervir. Que fazer para não nos deixarmos absorver por esta espiral de terror e impotência?, expressou o Papa.

“Em primeiro lugar, podemos rezar na comunhão da Igreja terrena e celeste. Não subestimemos a força da oração de muitos! A iniciativa 24 horas para o Senhor, que espero se celebre em toda a Igreja – mesmo a nível diocesano – nos dias 13 e 14 de Março, pretende dar expressão a esta necessidade da oração”.