Até julho já nasceram mais 1500 bebés em Portugal, o que representa um acréscimo de 3% face a igual período do ano passado

Entre janeiro e julho deste ano nasceram 47886 bebés, mais 1500 do que em igual período do ano passado. São, em média, mais sete bebés por dia, contrariando uma tendência de declínio da natalidade em Portugal.

Os dados do Instituto Nacional de Saúde Doutor Ricardo Jorge (INSA), citados pelo Jornal de Notícias,  reportam-se aos bébés que fizeram o denominado “teste do pezinho”.

Numa análise regional Lisboa (14017), Porto (8847) e Setúbal (3578) são os distritos com maior número de nascimentos. Em sentido inverso estão Bragança (351), Portalegre (406) e Guarda (449), todos distritos do interior.

Vila Real de Trás os Montes sobressai ao registar o maior crescimento face ao ano passado – mais 17%, para um total de 592 bebés. De referir ainda que no Porto nasceram mais 450 bebés, o valor mais alto do país.

De acordo com os dados do Instituto Nacional de Estatística no ano passado nasceram 82367 bebés em Portugal a que corresponde uma taxa de natalidade de 7,9%, ainda assim a mais baixa entre os Estados Membros da União Europeia.

O aumento do número de bébés nascidos em Portugal este ano pode fazer inverter a tendência decrescente da Taxa de Natalidade que tem vindo a sofrer alterações negativas nos últimos anos.