Pároco lamenta desertificação e elege a transmissão da fé como principal desafio

A paróquia dos Remédios celebra na próxima quarta-feira, dia 2 de maio, o 60º aniversário com uma Eucaristia presidida pelo bispo de Angra seguida de um jantar comunitário partilhado, com a presença de autoridades civis.

A paróquia dos Remédios integra a zona da Bretanha, com mais duas paróquias: o Pilar e a Ajuda mas a extensão territorial não é acompanhada da densidade populacional existindo nestes três lugares da costa norte da ilha de São Miguel pouco mais de 2 mil habitantes.

“Este é sem dúvida o grande problema desta e de algumas paróquias desta zona: a progressiva e dramática desertificação” sublinha o pároco das três comunidades, Pe. Miguel Tavares, ordenado há cinco anos e com menos de 30 de idade.

Antes de ser criada a paróquia, em 1958, os Remédios eram um curato que pertencia à Ajuda da Bretanha. Hoje é paróquia e uma vez mais a igreja fez esta comunidade antes dela ser considerada do ponto de vista administrativo como freguesia, dois anos depois.

Com poucos jovens e pouco mais de 900 habitantes é, contudo, a maior paróquia da Bretanha e aquela que menos problemas sociais enfrenta, nomeadamente ao nível da pobreza e das dependências.

“Felizmente nos Remédios há menos problemas” refere o Pe. Miguel Tavares elegendo como o grande desafio da Igreja local a capacidade para difundir a fé.

“O maior desafio é a transmissão da fé aos mais jovens e levá-los a assumir um compromisso mais duradoiro com a igreja” refere o sacerdote lembrando, por outro lado, que a igreja “também tem de ser mais missionária”.

Durante os 60 anos de vida a paróquia já teve oito sacerdotes, o último dos quais está há cinco anos a servir esta comunidade na sua primeira nomeação.

Para o ano, altura em que começa a celebrar o 60º aniversário de elevação a freguesia a paróquia deverá inaugura o centro de dia que servirá as três freguesias da Bretanha.

Atualmente e para além do movimento de acólitos, a paróquia possui um agrupamento de escuteiros, o grupo coral infanto-juvenil as Sementinhas, leitores, ministros extraordinários da comunhão e uma escola bíblica que funcional interparoquialmente, uma vez por mês. A catequese é talvez o sector da pastoral mais desenvolvido com uma cobertura junto da população jovem a rondar os 98%.

 

Remédios Da Bretanha – 60 Anos De Paróquia

Flickr Album Gallery Powered By: WP Frank