Pelo Pe José Júlio Rocha.

Peço-te, não como quem escreve um mandamento novo, mas aquele que tivemos desde o princípio: amemo-nos uns aos outros. (2 João 1, 5)
É este o pedido que São João faz, logo no princípio da carta que escreve à “Senhora eleita”, a Igreja.
João, o apóstolo que viveu mais tempo, que atravessou as primeiras perseguições à Igreja, insiste na única força que que poderá manter os cristãos na fé e na unidade: o amor.
Ainda hoje é assim que deve fazer a Igreja perante os desafios de hoje: permanecer no amor.