Grupo integrou dois sacerdotes açorianos

O grupo de 23 peregrinos que se deslocou à Terra Santa de 28 de novembro a 5 de dezembro, uma vez mais guiados pelo cónego Jacinto Bento, e que integrou entre outros o padre açoriano Nelson Pereira, participou na festa da Hanukkah, uma festa de luz, que dura oito dias e que leva muitos emigrantes israelitas da diáspora até Jerusalém.

Durante a peregrinação, que seguiu o circuito habitual, o cónego Jacinto Bento recebeu a Concha de Peregrino no Patriarcado Latino, entregue pelo Bispo Giacinto-Boulos Marcuzzo.

“O itinerário foi o clássico e cumpre-me registar que nunca vi tantos peregrinos como desta vez na Terra Santa, apesar de ser uma época dita baixa” adianta o sacerdote que é o único guia português acreditado no Patriarcado Latino.

“É impressionante, as multidões que se movem na cidade, três vezes Santa, por motivos estritamente religiosos” esclarece ainda o sacerdote lembrando que nesta data ocorreu também a festa da Hanukkah/Chanuquia, festa das luzes que dura oito dias e “é natural que tenham vindo muitos judeus da diáspora”.