Pelo P.e José Júlio Rocha.

Depois, erguendo os olhos ao céu, suspirou e disse-lhe: «Effathá», que quer dizer «Abre-te». (Marcos 7, 34)
Jesus cura um surdo-mudo com a Sua palavra: “abre-te”.
Não podemos descurar o simbolismo desta palavra que cura: abre-te. Abre os teus ouvidos, abre a tua boca, abre os teus olhos, abre a tua mente, abre o teu coração.
Um cristão fechado, uma Igreja fechada sobre si mesma, que não se abre ao mundo, não escutou esta palavra de Jesus.
Mentes e corações fechados não dão testemunho de Jesus.