Bispo de Angra deixa mensagem para as Festas do Senhor Santo Cristo (Com áudio)

O bispo de Angra que esta manhã presidiu à missa dos doentes que inaugura, por assim dizer, a Festa do Senhor Santo Cristo dos Milagres, apela numa mensagem dirigida a todos os que se fazem peregrinos no santuário de Ponta Delgada que façam festa.

“Façamos Festa!” interpela D. João Lavrador pedindo que esta festa tenha em conta três dimensões: solidariedade, identidade e comunhão.

“Todos são corpo desta igreja de Cristo” refere o prelado lembrando que “ninguém se deve sentir excluído por causa das suas situações e condições pessoais”.

De manhã o tema já tinha sido abordado na homilia da missa dos doentes, que este ano foi celebrada na Igreja de São José para permitir a presença de um maior número de doentes.

Na ocasião, e a partir do evangelho desta sexta feira, D. João Lavrador sublinhou que o sentido da existência pode ser discernido “mesmo no meio do sofrimento e da fragilidade que sentimos”.

“Se nós desafiamos o amor do outro, então estamos a ter uma intervenção importante perante a igreja” na medida em que o exemplo que vem de Jesus “é de entrega total”.

“Jesus resgatou-nos. Salvou-nos, deixou-se morrer… entregou-se por amor. Se fizermos o mesmo ao nosso próximo seguiremos o seu exemplo” acrescentou o prelado diocesano que está nestas festas como bispo titular da diocese pelo terceiro ano consecutivo.

“A nossa vida é uma doação total, feita a Deus nos outros; só assim faz sentido. Vamos fazer da vida um hino de amor ao outro”, concluiu o bispo de Angra que depois ministrou o sacramento da santa unção aos doentes presentes.

Depois da conferência de imprensa, onde se apresentou a capa do Senhor Santo Cristo para estas festas, esta é a primeira celebração litúrgica importante no conjunto das várias celebrações que decorrerão este fim de semana em Ponta Delgada por ocasião das Festas do Senhor Santo Cristo.

O culto à imagem do Ecce Homo tem mais de 300 anos e foi iniciado por Madre teresa da Anunciada, natural da Ribeira Grande. Desde essa altura a procissão do Senhor Santo Cristo, que se realiza no domingo, percorrendo as principais artérias de Ponta Delgada, durante quatro horas, nunca mais deixou de se realizar cativando cada vez mais um maior número de fieis.

A par desta procissão, a de sábado, conhecida como Procissão da Mudança da Imagem, que coincide temporalmente com a entrega da Imagem pelas Irmãs religiosas de Maria Imaculada à Irmandade do Senhor Santo Cristo, constituem os momentos mais altos desta devoção popular.

A festa do Senhor santo Cristo será presidida pelo Cardeal Patriarca de Lisboa, D. Manuel Clemente.